Estatísticas sobre economia, demografia, geografia e às vezes alguma coisa mais!

Em 2007, mais de 1400 empregos formais foram gerados em Francisco Beltrão


Com as mais de 1.400 vagas geradas no ano passado município chega próximo dos 20 mil empregos formais; Remuneração média atinge R$ 816,- . Números são os melhores desde 2004.

Segundo dados da Relação Anual de Informações Sociais – RAIS 2007- divulgados pelo Ministério do Trabalho (MTE) nesta Segunda-feira (11), pelo oitavo ano consecutivo Francisco Beltrão foi o município que mais gerou empregos na região sudoeste. Foram 1.427 novos postos de trabalho criados entre 01 de Janeiro e 31 de Dezembro de 2007.

Dados anteriores do CAGED, também divulgados pelo MTE, apontavam um número menor de empregos gerados, apenas 1.107 vagas. A princípio essa diferença pode gerar dúvidas sobre a precisão dos sistemas de medição, mas o próprio Ministério do trabalho esclarece:

“a diferença entre os dados divulgados pelas duas fontes pode ser justificada, entre outros fatores, pela cobertura da Rais ser superior à do Caged; pela não inclusão das declarações deste registro entregues fora do prazo no cômputo da geração de empregos; como também pela presença de outros tipos de vínculos empregatícios informados na Rais (temporários e avulsos) e não contemplados no Caged”.

Deste modo o número divulgado ontem corresponde ao mais correto entre as formas existentes de se medir o emprego formal.

EMPREGO EM 2007

O resultado de 2007 corresponde a uma elevação de 7,93% sobre o estoque de empregos (número total de pessoas empregadas formalmente) do município em relação a 31 de dezembro de 2006. Um resultado muito superior ao obtido a nível estadual no Paraná (alta de 5,7%) e acima também do nível nacional (+6,98%).

Com as 1.427 novas vagas geradas no ano passado, Francisco Beltrão alcança a marca de 19.416 empregos formais e se mantém na 19° posição estadual dos municípios com maior estoque de empregos. No acumulado de oito anos (desde 2000) já foram criados 9.084 empregos formais.

SETORES

Os setores que mais geraram empregos, em valores absolutos, foram a Indústria da Madeira e Mobiliário com 400 vagas, a indústria de produtos alimentícios (leia-se Sadia) com 285 vagas, a Construção Civil com 219 vagas, o Comércio Varejista com 218 vagas e a Indústria do Vestuário com 171 vagas. Já em termos relativos os resultados mais expressivos foram da Indústria de Mineirais não metálicos com elevação de 77% sobre o estoque de empregos do ano anterio, da Indústria de Madeira e Mobiliário com 60%; a Indústria Química e de Materiais Farmacêuticos com 55%; a Indústria de Material Elétricos com 47%; e a Construção Civil com 28%.

Notadamente as indústrias de mobiliário, Minerais não Metálicos e do vestuário estão incluídas em Arranjos Produtivos Locais na região, setores que constituem uma espécie de cluster na região.

RENDA

A Pesquisa também mostrou que a Remuneração média subiu de R$ 774,- em dez/2006 para R$ 816,- em dez/2007. Alta nominal de 5,49% e alta real de 0,34% (deflator INPC 2007, 5,15%). A despeito da baixa elevação da renda, deve-se ressaltar que o grande número de novos empregos ajuda a trazer a média para baixo, pois geralmente o salário dos novos empregados é menor que o salário daqueles que já trabalham há mais tempo. Prova disso é que, ao fim do ano passado, a massa salarial formal (soma de todos os salários) do município totalizou R$ 15,852 milhões ante R$ 13,923 milhões em igual período do ano anterior. Isto representa uma elevação nominal de 13,85% e elevação real de excelentes 8,70%.

Todavia a renda média em Francisco Beltrão ainda se mantém muito abaixo da média estadual, que é de R$ 1.216,- e mais abaixo ainda da média nacional que é de R$ 1.356,-.

ESTABELECIMENTOS

A RAIS também traz informações sobre o número de empresas no município. Em 2006 existiam 2.086 firmas no município, número que saltou para 2.242 no ano seguinte. Destaque especial para a Construção Civil (+55 firmas) e para o comércio Varejista (+48).

REGIÃO

Na região sudoeste o número de empregos elevou-se de 77.666 em 2006 para 83.204 em 2007, com alta de 7,13%. Além de Francisco Beltrão com suas 1.427 vagas, os outros municípios que mais contribuíram para puxar a média para cima foram Pato Branco, com 1.134 vagas (+7,20%) e Dois Vizinhos com 409 vagas (+5,25%). Juntos os três municípios geraram 53,6% dos empregos da região. Francisco Beltrão com 19.416 empregos, Pato Branco com 16.876 e Dois Vizinhos com 8.199 são responsáveis por 53,5% dos empregos da região (exatamente a mesma proporção de empregos gerados).

No sudoeste a Renda média ficou em R$ 823,20, sendo R$ 935,- em Pato branco e R$ 846,- em Dois Vizinhos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s